Apresentação
>
Auto Bemguiados

Constituída em 1975 com a denominação jurídica Manuel Fernandes Cerqueira da Costa, Lda, iniciou a sua actividade com a compra do trespasse de instalações de um posto de combustível que se encontrava encerrado por falência do anterior cessionário de exploração.
Tendo sido sempre conhecido aquele posto por Auto Bemguiados, notou-se a força desta designação comercial pela dificuldade em conhecer a nova empresa pela sua designação jurídica, acabando por adoptar-se a Auto Bemguiados como a designação comercial definitiva.
O inicio de actividade da nova empresa centrou-se na venda de combustível, lavagem e limpeza interior de viaturas e reparações mecânicas de motores, sem qualquer distinção de marca.
Poucos anos mais tarde, e num acordo de partilha de espaço, encontrou-se um parceiro que se ocuparia de serviços de chapa e pintura com partilha de receitas , situação que durou cerca de 2 anos.

Com o correr dos tempos e acompanhando o crescimento populacional e industrial da área em que se inseria, a empresa foi sempre crescendo a um ritmo considerável, mantendo uma característica multi-serviços e multimarca, mas com uma incidência cada vez maior no serviço de mecânica, vindo a iniciar, sem qualquer parceria como acontecera no passado, a sua área de chapa e pintura.
Em 1984 é-lhe oferecida pela Mercedes-Benz a possibilidade de especializar e concentrar a sua actividade nesta marca, o que foi tido como um desafio para ganhar, já que esta já detinha uma posição considerável no mercado de ligeiros e pesados e apostava ainda em incrementar de forma importante a sua posição.
Estrategicamente, a empresa optou por uma segunda linha dentro da rede Mercedes que estava então a ser criada, posicionando-se como sub agente da Soc. Com. C. Santos, Lda, então já o maior concessionário da marca em Portugal.

O crescimento sustentado da empresa, tanto em termos de estrutra de pessoal tecnico especializado, como em estrutura financeira e de recursos humanos de gestão, assim como o crescimento considerável que teve o mercado Mercedes-Benz em Portugal, levou à consideração da possibilidade de se candidatar a uma representação de 1ª. Linha, tornando-se ligada directamente à Mercedes-Benz Portugal.
Em 1999, inaugura uma nova oficina construída de raiz, em que a funcionalidade e imagem saem nitidamente reforçadas em relação ao edificio anterior. Investe em novos equipamentos, em novas técnicas e infra-estruturas ambientais.

A sua actividade sofre um incremento importante nos anos seguintes, conseguindo-se atingir rapidamente um re-equilíbrio da estrutura financeira da empresa, apesar do grande investimento efectuado no ano de 1999.

 

Mapa do Site | Protecção de Dados | Avisos Legais